Como conseguir mais espaço no Gmail

O serviço de e-mail do Google chegou ao mercado em 2004 revolucionando o segmento de serviço de correio eletrônico, oferecendo 1 GByte gratuito de armazenamento. Com o passar do tempo o Google ampliou essa capacidade, mas mesmo assim muitos ainda sofrem com limitações.

A maneira mais fácil de conseguir, gratuitamente, mais espaço no Gmail é, evidentemente, se livrando de lixo antigo, que pode ser feito de várias formas, começando por jogar fora o SPAM. Você pode não perceber, mas o Gmail está lotado de Spam. Clique no menu Spam e depois no link Delete All Spam messages now. Isso já vai ajudar a livrar de alguns MBs.

2 – Deletando os e-mails gigantes

O campo de busca do Gmail é muito poderoso e muito esquecido. Para encontrar as mensagens mais pesadas que estão comendo espaço, use a busca com o operador “filename:”. Recomendo começar com o óbvio “filename:pps” para encontrar e apagar os inúteis arquivos de PowerPoint que você recebe da sua tia. Depois, experimente “filename:wmv”, “filename:mov” e “filename:MP3”

3 – Exclua as mensagens antigas

Outro operador legal é o “before:”. Você pode encontrar mensagens velhas que não servem mais para nada usando a combinação “before:2008/10/10”. Para a coisa ficar ainda melhor, coloque “has:attachment before:2008/10/10″ –assim você mata as “velhinhas mais pesadas”.

4 – Excluindo as mensagens Forward

Mais um operador útil para encontrar coisas inúteis é o “subject:”. Recomendo buscar por “subject:Fw” para encontrar mensagens encaminhadas. Geralmente elas são legais e engraçadas (ou até importantes) na hora, mas depois viram lixo. Também pode ser uma boa usar o “subject:” para apagar conversas de listas de e-mail das quais você participa.

5 – Limpeza nos Rascunhos

O Gmail salva versões temporárias das mensagens enquanto você está as escrevendo. Muitas vezes, essas mensagens não têm motivo nenhum para serem guardadas. Mas elas ficam ali, na pasta Drafts (Rascunhos, em português). Dê uma visita ali e apague o que for supérfluo.

Para saber mais operadores do Gmail, clique aqui.

Comentários