AMD mostra o waffer do AMD Fusion Llano na coferência da Global Foundries

Além do núcleo do Bulldozer, a AMD também mostrou um waffer que contém APUs AMD Fusion Llano na conferência da Global Foundries. Esse chip será a versão Fusion destinada aos desktops e notebooks de alta performance, e será gravada no processo de fabricação de 32 nm SOI / HKMG. A chegada ao mercado é esperada para o primeiro trimestre de 2011.

Waffer do AMD Fusion Llano

O núcleo do Llano é baseado na arquitetura do Phenom II, porém com uma série de aperfeiçoamentos, entre os quais um novo sistema de gerenciamento de energia interno. Não haverá cache L3, mas os caches L2 aumentam para 1 MB por núcleo.

Outras inovações do AMD Fusion Llano são no controador de memória e northbridge, os quais foram completamente reformulados para atender às necessidades de alta velocidade decorrentes da presença de um núcleo gráfico no mesmo chip.

Novo controlador de memória

Essa alteração no controlador de memória terá, provavelmente, pouca influência na performance dos núcleos x86 do Llano, porém o efeito na performance gráfica será significativo. As memórias suportadas continuam DDR3, porém de velocidades mais elevadas.

O núcleo gráfico do AMD Fusion Llano ainda não dispõe de grandes informações a respeito, mas sabe-se que será uma GPU compatível com a API Microsoft DirectX 11, e com suporte ao OpenCL, funcionalidades que não estarão presentes no Intel Sandy Bridge - concorrente do AMD Fusion.

AMD Fusion Llano - arquitetura interna

Ainda no campo das especulações, o núcleo gráfico do AMD Fusion Llanno deverá possuir 480 SP (processadores de fluxo), o que o coloca em nível similar a uma GPU da série Redwood HD55XX ou HD 56XX.

Performance

As frequencias de operação dos núcleos de CPU devem ficar em torno de 3Ghz, enquanto a GPU deverá operar entre 750 MHz e 1 GHz, podendo tais frequencias serem elevadas com o funcionamento do Turbo.

Para efeito de comparação, os atuais chipsets integrados da AMD contam com 80 processadores de fluxo, operando entre 500 MHz e 750 MHz. Além disso, os modelos atuais são gravados em 55nm, enquanto a GPU do Llano será feita em 32nm.

O tamanho do núcleo total do Llano deve ficar entre 170 e 210 mm^2, números estes obtivos por estimativas baseadas no núcleo do Phenom II de 45nm.

Sandy Bridge

Em termos de performance, espera-se o Llano com um nível de desempenho de CPU superior em relação ao atual Phenom II, porém inferior ao demostrado pelo Intel Sandy Bridge.

Entretanto a AMD não está preocupada com isso, pois sabem que o desempenho gráfico do Llano será mais do que suficiente para superar os chips da Intel.

A expectativa da AMD é a de que o AMD Fusion Llano, com seus 480 processadores de fluxo ofereçam um nível de desempenho similar ao obtido por uma ATI Radeon HD5650, mantendo a vantagem frente a Intel pelo fato de ser compatível com DX11 e de ser uma arquitetura gráfica conhecida.

Ainda com relação à performance global do chip, a AMD aposta que na maioria das aplicações a performance da CPU terá importância secundária, e que o vetor de desempenho será mesmo a GPU, onde reside a grande superioridade da AMD sobre a Intel.

Comentários