Microsoft inspira-se no Apple Mac OSX para desenvolver o Windows 8

O Windows 7 é um sucesso de público e crítica, e sobre isso não há discussão. Mas a Microsoft não está parada e trabalha ativamente no desenvolvimento do Windows 8, inspirada na facilidade de uso e imagem de qualidade do Apple Mac OSX, e também buscando tempos mais rápidos para o início e desligamento do sistema.


Os slides internos da Microsoft mostram que ela busca construir uma imagem de qualidade similar à que desfruta a Apple junto a seus fiéis e satisfeitos clientes.




Outra preocupação é com a rapidez com a qual o sistema se inicia. O Windows 8 pretende cortar de forma significativa o tempo de espera entre o momento em que o usuário liga o computador e a efetiva disponibilidade do sistema para a interação. As estratégias de desenvolvimento incluem funcionalidades para tornar tanto o boot como o retorno do estado de hibernação bem mais rápidos.



Pelo que se observa nos slides, a Microsoft irá modificar o tradicional Desligamento para uma sistemática similar ao Logoff e subsequente hibernação. Esse novo método irá guardar em cache a maior parte do sistema, como drivers e sub-sistemas de serviços. A estimativa é cortar pela metade os tempos de boot.



A sistemática de login também será simplificada, sobretudo nos casos dos usuários que não ativam senhas de acesso ao sistema. Se tiver uma câmera presente no sistema, o Windows 8 irá usá-la associada com um sistema de reconhecimento facial para fazer o logon do usuário no sistema sem a necessidade de impostação de senha.



Outro aspecto interessante no processo de logon tradicional - sem o uso de reconhecimento facil - é a preservação dos dados de login em local remoto (cloud). Isso significa que os usuários de Windows poderão ter acesso às suas preferências de sistema - como favoritos, links e aplicações - mesmo quando estiverem usando computadores de outros locais.

Fonte: Tomshardware

Comentários