Israel proíbe importação do Apple iPad e confisca os que chegam ao seu território

O Ministério das Comunicações do Estado de Israel bloqueou a importação de Apple iPads para aquele país. Além disso, instruiu suas unidades aduaneiras a confiscarem os Apple iPad que chegam a Israel nas bagagens de pessoas comuns.

Wi-Fi do iPad não atende aos requisito israelenses

Segundo o jornal Haartez, os engenheiros do governo israelense apontaram que os sistemas de comunicação sem fio do iPad não atendem aos requisitos mínimos estipulados por Israel, pois não conseguem manter níveis adequados no sistema de transmissão.

Se essa deficiência se confirmar, a Apple poderá ter problemas para colocar o iPad no mercado europeu, tendo em vista que a Comissão Européia adota os mesmos padrões que Israel. De qualquer forma, até mesmo nos Estados Unidos o Apple iPad está sofrendo questionamentos quanto à sua portabilidade, em decorrência da interface Wi-Fi do iPad ser tão fraca, que ele só consegue estabelecer uma conexão decente se você estiver muito próximo do Router.

Um cidadão israelense voltando dos Estados Unidos afirmou ao jornal TheMarker que, quando ele tentou declarar o seu IPad novo na alfândega, o mesmo foi confiscado. Além disso, foi instruído a solicitar ao Ministério das Comunicações sua posterior devolução. Entretanto, quando ele contatou o Ministério das Comunicações de Israel, recebeu como resposta: "É proibido trazer iPads para Israel".

O chefe da alfândega no Aeroporto Internacional Ben-Gurion disse que ontem 10 iPads foram confiscados.

Fonte: TechEye

Comentários