AMD planeja avançar no mercado de Tablets com o Fusion

2011 está prometendo ser um grande ano para a AMD: é o ano de lançamento dos novos processadores AMD Fusion e a AMD já está com grandes expectativas para sua nova plataforma. Uma dessas estratégias pretende colocar o AMD Fusion no mercado de Tablets.

O sítio britânico Techradar proporcionou uma conversa com o Vice-Presidente de Marketing da AMD - Leslie Sobon - e, ao que parece a executiva está convencida que as pessoas querem computadores do tipo Tablet, como o iPad.

Um dos indicativos são as fortíssimas vendas do Apple iPad, que são sinalizadoras das tendências do público. Entretanto, é preciso considerar que para o mercado de Tablets, os processadores ARM mostram-se mais indicados, em função do menor consumo energético em relação aos dispositivos x86.

Segundo a AMD, há "muitas vantagens em termos de performance para um fabricante quando se têm uma CPU e uma GPU no mesmo chip". Alguém poderá argumentar que a Intel anda tentando cotejar o mercado de ARM com seus Atom, entretanto, os novos processadores AMD Fusion irão oferecer um nível de performance gráfica muito superior, o que pode ser tornar um grande diferencial quando se pensa em conteúdo em vídeo e em Flash.

A AMD também parece que acredita no Flash, ao contrário da Apple, e, também, mais recentemente, a Microsoft, estas ao que parecem mais interessadas no HTML5. De qualquer forma, ainda será ncessário um hardware gráfico decente para uma boa performance em vídeos HTML5, os quais, ao que tudo indica, serão baseados em H.264.

Um outro foco estratégico da AMD é em relação ao mercado dominado pela plataforma Atom da Intel. Nesse caso, porém, a tarefa da AMD parece ser bem mais fácil e não é difícil esperar a AMD avançando bastante nesses segmentos de entrada do mercado de processadores x86.

A Intel está preparando alguns aperfeiçoamentos na próxima geração de sua plataforma Atom, como o suporte para exibição de vídeos 1080p. Entretanto, isso não parece que será suficiente para concorrer com o AMD Fusion.

Fonte: Semiaccurate

Comentários

  1. Mas ai é que está, o h264 não tem um desempenho muito melhor do que flash para execução de vídeos, fora que não duvido nada que o fusion o suporte nativamente assim como as placas da ATI atualmente.

    ResponderExcluir
  2. @lordtux, concordo com você: é altamente provável que o AMD Fusion venha com suporte nativo, afinal o núcleo gráfico dele é similar a uma Radeon HD5000. Ou seja, com o Fusion haverá o melhor de dois mundos: suporte tanto a Flash quanto a HTML5, e tudo por hardware.
    Realmente é preciso verificar as questões relativas ao consumo de energia, mas caso isso seja equacionado (e parece que será, tendo em vista o novo sistema de gerenciamento de energia digital do Fusion), a AMD poderá ter nas mãos um chip que seja um Atom killer e um ARM killer simultaneamente.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui. Não esqueça de deixar seu nome. Mensagens que façam uso de termos de baixo calão (palavrões) ou conteúdo ofensivo será apagado sem prévio aviso.