AMD anuncia lucro de US$ 257 milhões de dólares no primeiro trimestre de 2010

A AMD acabou de anunciar seus resultados financeiros relativos ao primeiro trimestre de 2010, e, da mesma forma que a Intel, o resultado veio melhor que a expectativa dos analistas, que esperavam mais um prejuízo.

O resultado veio positivo, com um lucro líquido de US$257 milhões, o que representa um ganho de US$ 35 centavos de dólar por ação (a expectativa era de uma perda de US$ 7 centavos de dólar por ação).

O resultado é positivo no sentido que a AMD apresenta lucro mesmo sem contar com um aporte financeiro excepcional, como o verificado no último trimestre de 2009, onde a Intel contribuiu com US$ 1,25 bilhões de dólares.




AAP Financial Results
Q1-10Q4-09Q1-09
Revenue$1.57B$1.65B$1.18B
Net income (loss) attributable to AMD common stockholders/EPS$257M/$0.35$1.18B/$1.52$(416)M/$(0.66)
Operating income (loss)$182M$1.29B$(298)M
Non-GAAP Financial Results1
Q1-10Q4-09Q1-09
Revenue$1.57B$1.65B$1.18B
Net income(loss)/EPS$63M/$0.09$80M/$0.11$(189)M/$(0.30)
Operating income (loss)$130M$169M$(123)M


Como se pode observar, a AMD apresentou uma evolução de sua receita global de 33% quando comparado o resultado do primeiro trimestre de 2010 contra o mesmo período do 2009. A evolução de 33% é um número importante, mas ainda muito longe dos 44% verificados pela Intel no mesmo período.

Margem bruta de lucro

A margem bruta de lucro da AMD ficou em 43% no resultado não convergente com as normas contáveis GAAP, e de 47% segundo essa modalidade de contabilidade. Como comparação, a margem bruta da Intel no mesmo período foi de 63%.

Caixa

Outra evolução interessante observada foi em relação à rubrica "cash, cash equivalents and marketable securities" que reflete as disponibilidades de curto prazo e de alta liquidez da empresa, e que evoluiu dos US$ 1.77 bilhões de dólares no último trimestre de 2009, para os atuais US$ 1.93 bilhões, resultado este que já exclui a GLOBALFOUNDRIES.

Resultado com os processadores - evolução de 23% em relação ao Q1/2009

O segmento de CPU da AMD - "Computing Solutions" - observou uma queda de 5% em relação ao último trimestre de 2009 - o que é amplamente esperado (a Intel teve queda de 3% no mesmo perído),  mas quando se compara em relação ao mesmo período de 2009, constata-se uma evolução de 23%.

A AMD explica a redução de 5% em relação ao Q4/2009 como resultado de uma menor demanda por processadores neste trimestre, e que foi parcialmente contra-balanceada por um incremento no ASP (Preço Médio de Venda). Ou seja, a AMD vendeu menos processadores que no último trimestre de 2009, mas, em média, os preços de venda foram maiores.

Segmento gráfico  - evolução de 88% em relação ao Q1/2009

O setor de placas gráficas da AMD está muito bem, como mostram as demonstrações financeiras. As receitas da AMD com esse tipo de hardware cresceram 88% quando se compara os números deste primeiro trimestre de 2010 frente ao mesmo período de 2009.

Essa elevação com a receita de venda de processadores gráficos é atribuída pela AMD como resultado de uma forte expansão da demanda de seus produtos.

Resultados excepcionais

Como esperado, a AMD incorporou em seu balanço um ganho não financeiro de US$ 325 milhões de dólares como decorrência do processo de desconsolidação de seus resultados com a GLOBALFOUNDRIES. Esse valor, evidentemente, não irá se repetir nos próximos trimestres, o que significa que a AMD terá que melhorar ainda mais seu desempenho empresarial para manter-se lucrativa.

Outro resultado excepcional foi o aporte de US$ 56,4 milhões de dólares oriundo do Ministério de Desenvolvimento Econômico do Estado de Ontário (Canadá), como forma de incentivo à empresa para ampliar a geração de empregos na região.

Conclusões

Em termos comparativos, o lucro da AMD é quase 10 vezes menor que o da Intel. Outro aspecto interessante é que só o lucro líquido da Intel é 52% maior que a receita global da AMD. A diferença de tamanho entre as duas empresas é maior nos números financeiros que na performance dos produtos, onde a AMD consegue impor um nível de concorrência interessante.

Fonte: AMD

Comentários

  1. Parabéns pela velocidade com que você postou as informações referente ao lucro da AMD, a maioria dos portais até agora só falaram da Intel....

    Espero que a AMD continue crescendo e evoluindo seus processadores, e que venha o Bulldozer! Aliás, o mesmo é esperado para o Q1 de 2011?

    ResponderExcluir
  2. Valeu e obrigado pelo elogio.

    Ainda não há uma data precisa sobre o lançamento dos Bulldozer, mas segundo o roadmap da AMD deve ocorrer no primeiro semetre de 2011. Não dá para saber se no começo ou no final, esperamos que seja no começo.

    Quanto ao Fusion, parece que já existem duas versões produzidas em versões de engenharia, sendo que exemplares já estão nas mãos de fabricantes de computadores e de placas mãe.

    []s/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui. Não esqueça de deixar seu nome. Mensagens que façam uso de termos de baixo calão (palavrões) ou conteúdo ofensivo será apagado sem prévio aviso.