Anandtech: vinte e sete imagens valem mais que mil palavras

De todos os testes e reviews que saíram na Internet sobre as novas NVIDIA GeForce GTX470 e GTX480, o mais interessante de todos é o do Anandtech, não pelas informações lá contidas, evidentemente, mas pelo fato de que esse review é uma aula de como você pode distorcer um teste de hardware para que os resultados saiam da forma que seus “amigos” desejam, sem, contudo, manipular os dados, o que seria bem fácil de descobrir.

Qualquer pessoa que tenha acompanhado os desenvolvimento dos fatos que culminaram com o lançamento das Fermi sabe muito bem que a GeForce GTX480 não tem a mais remota condição de competir, em qualquer requisito que se coloque - performance em jogos, eficiência energética, performance em GPGPU - com a AMD/ATI Radeon HD5970. 

A Radeon HD5970 está em um patamar de desempenho habitado única e exclusivamente por ela, e não há nada que a NVIDIA possa fazer no curto-médio prazo para mudar essa situação. Como se não bastasse a Radeon HD5970 ser muito mais rápida que a GeForce GTX480, ela ainda consome menos energia. 

Isso, quem conhece minimamente o assunto sabe. Mas então, se uma GTX480 não é suficiente para combater uma HD5970, então, que tal colocar duas GTX480 para combater a HD5970? É simples e eficiente. Quando você for questionado porque não fez um CrossFire de HD5970, você solta a desculpa que o seu critério leva em consideração placas mono-processadas, apenas.

Mas é evidente que antes de fazer uma aberração dessa, você precisa anestesiar o raciocínio de seus leitores,  e você faz isso no seu review de 19 páginas, gastando as 7 primeiras com especificações técnicas, explicações detalhadas sobre o funcionamento de shaders etc, que ninguém tem paciência para ler, mas que confere uma aura técnica ao seu texto publicitário.

Depois de feito isso, você não informa que no mesmo sistema que você colocou duas (SLI) GTX480, funcionariam perfeitamente duas HD5970. Na realidade, duas HD5970 funcionariam até melhor, pois a fonte de alimentação necessária para dar conta de duas GTX480 estaria sub-utilizada alimentando duas HD5970. 

E aí, então, o show de distorção está pronto para começar. Na parte em que começam os benchmarks de jogos, você inicia logo com o mais famoso de todos - Crysis - e com uma imagem como essa:


Sim, a primeira impressão é a que fica, mas não custa nada reforçar com a segunda impressão, com a terceira, a quarta....com precisamente VINTE E SETE impressões de benchmarks que mostram um improvável SLI de GTX480 com uma imensa vantagem sobre as outras configurações. Sim, no meio dessas VINTE e SETE impressões, você coloca umas 7 outras, nos quais um CrossFire de HD5870 ficou um pouco à frente. Dá mais credibilidade, entende?

Mas mesmo assim, sua "amiga" ganhou de 27 a 7, e você está feliz, e ela também. Se quem comprar uma GTX480 com base em seu review vai ficar feliz ou não, isso não interessa, afinal, é muito pouco provável que o seu leitor irá achar um review que mostre que, além do SLI de GTX480, também é possível fazer um CrossFire de HD5970, mas, aí, sua "amiga" não iria gostar tanto de uma pintura como essa, do teste do iXBT (clique aqui para acessar):


Diz o ditado que uma imagem vale mais que mil palavras. E vinte e sete imagens, quanto valeriam? Ou melhor, quanto custaram?

Comentários

  1. Realmente, eu achei injusto o gráfico mostrado no Adrenaline, somente quem entende de CF/SLI vai entender o verdadeiro potencial de cada placa nesses gráficos. Temos que nos informar direito porque nem em sites especializados no assunto podemos confiar direito.

    Ótimo artigo Mendez.FL, espero que o seu blog cresça cada vez mais. =)

    ResponderExcluir
  2. Kazuo, tá uma piada esse review do Anantech. Eles sabem que 99% das pessoas quando le um review, apenas dá uma passada rápida nas imagens dos Benchs, então, nesse maravilhoso review deles, vao sair com a impressao que a GTX480 é muito mais rápida que a HD5970, quando a realidade é completamente inversa.
    Um review que está muito bom é o do Tom´s Hardware.

    []s.

    ResponderExcluir
  3. AChei fake tbm mas de ql fonte vc tiro isso?

    ResponderExcluir
  4. O review do Anandtech não é fake, apenas foi manipulado para dar uma impressão errada, apesar de usar dados supostamente certos. A fonte sou eu mesmo, é a minha opinião sobre o review.
    Um teste correto da GTX480 é o do Tom´s Hardware, que, pelo menos nesse review, parece ter sido imparcial.
    Segue o link dop teste do Tom´s Hardware
    http://www.tomshardware.com/reviews/geforce-gtx-480,2585.html

    []s.

    ResponderExcluir
  5. a imagem do CF de HD5970 eu tirei do teste do iXBT

    http://www.ixbt.com/video/itogi-video/0310/itogi-video-cr4-wxp-1680-pcie.html

    []s.

    ResponderExcluir
  6. Bom, o pessoal pode até achar, mas acredito que isso não vá influenciar nas vendas da NVIDIA, afinal que tipo de consumidor compra essas placas? Tem que ser meio entusiasta para gastar uns 2.000 reais em uma placa de vídeo e esse público já entende disso e fica informado sobre o mesmo sempre por isso só fica pensando o inverso quem é leigo no assunto e normalmente esses só compram placas de vídeo de entrada/intermediária.

    Em outras palavras a NVIDIA se ferrou legal nessa geração e ninguém pode salvar ela a não ser ela mesma.

    ResponderExcluir
  7. Não tenho certeza que todos que compram uma HD5870 / GTX470 / GTX 480 / HD5970 ou HD5850 entendem tudo isso não. Alguns, sim, conhecem, e sabem o que estão comprando. Esses sabem ver muito bem quando um review está com problemas. Mas a maioria dos usuários acho que não. São poucas pessoas que lêem um review desse do começo ao fim. A maioria só olha nos quadros comparativos e fim de papo.

    Sobre a NVIDIA, eu ainda não formei minha opinião completa, ainda preciso analisar outros aspectos, principalmente GPGPU, que as ATI são melhores, e estou pesquisando.

    Acho a GTX480 uma placa completamente inviável, em função do consumo e aquecimento (100ºC não é brincadeira, dá mesmo para fritar um ovo em cima dela).

    Mas a GeForce GTX470, por outro lado, apresenta uma relação custo x benefício muito boa. O único problema é consumir muito mais que a HD5870 e ficar atrás dela em performance.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui. Não esqueça de deixar seu nome. Mensagens que façam uso de termos de baixo calão (palavrões) ou conteúdo ofensivo será apagado sem prévio aviso.