AMD Bulldozer será compatível com (algumas) motherboard´s socket AM3

AMD Bulldozer Zambezi não será compatível com socket AM3
Atualização maio/2011: As novas CPUs baseadas na arquitetura Bulldozer serão compatíveis com algumas motherboards socket AM3. ASUS e Gigabyte anunciaram oficialmente quais de suas motherboards AM3 serão compatíveis com o Bulldozer, após uma atualização de BIOS.

Motherboards ASUS AM3 compatíveis com Bulldozer:

Motherboards Gigabyte AM3 compatíveis com Bulldozer (com atualização de BIOS):

GA-890FXA-UD5 (Rev 3.1) / AMD 890FX+SB850
GA-890GPA-UD3H (Rev 3.1) / AMD 890GX+SB850
GA-880GA-UD3H (Rev 3.1) /AMD 880G+SB850
GA-880GMA-USB3 (Rev 3.1) / AMD 880G+SB850
GA-880G-USB3 (Rev 3.1) / AMD 880G+SB710
GA-880GM-USB3 (Rev 3.1) / AMD 880G+SB710
GA-880GM-USB3L (Rev 3.1) / AMD 880G+SB710
GA-870A-UD3 (Rev 3.1) / AMD 870+SB850
GA-870-UD3P (Rev 3.1) / AMD 870+SB850
GA-870A-USB3 (Rev 3.1) / AMD 870+SB850
GA-870A-USB3L (Rev 3.1) / AMD 870+SB850
GA-MA770T-UD3P (Rev 3.1) / AMD 770+SB710
GA-MA770T-UD3 (Rev 3.1) / AMD 770+SB710
GA-770T-D3L (Rev 3.1) / AMD 770+SB710
GA-780T-USB3 (Rev 3.1) / AMD 760G+SB710
GA-78LMT-S2P (Rev 3.1) / AMD 760G+SB710

/////////////////////////////////////////////////////////////////////////

Em 2011 a AMD colocará no mercado sua nova linha de processadores baseados na arquitetura Bulldozer. Os processadores (CPU) baseados na arquitetura Bulldozer serão destinados ao segmento de altíssima performance. Existirão versões para servidores e para desktop´s / workstations.

Os processadores baseados na arquitetura Bulldozer para desktop´s serão conhecidos pelo codinome Zambezi, em versões de 4 e 8 núcleos de processamento. As CPU Zambezi de quatro núcleos terão 2 módulos Bulldozer, e as de 8 núcleos serão compostas de 4 módulos Bulldozer.

Esses novos processadores Zambezi (arquitetura Bulldozer) irão funcionar com memórias DDR3 e serão compatíveis com as motherboard´s socket AM3. Isso significa que se você dispor de um sistema com motherboard AM3, bastará uma atualização de BIOS para instalar um processador Bulldozer nela. Entretanto, como o Bulldozer só terá um controlador de memória DDR3, não será possível instalar uma CPU Zambezi em uma motherboard AM2 ou AM2+.



Plataforma Scorpius

Um sistema composto por uma motherboard AM3, um processador Zambezi (arquitetura Bulldozer) e uma GPU da Série HD6000 comporão o que a AMD chama de plataforma Scorpius, sucessora das plataformas Spyder (Phenom I + Radeon HD3000), Dragon (Phenom II + HD4000) e Leo (Phenom II X6 "Thuban" + Radeon HD5000).


Como o roadmap de CPU´s para desktops da AMD mostra, não há nenhuma dúvida que o Bulldozer será compatível com o socket AM3, e isso é ótima notícia para os proprietários de motherboard´s AM3, que poderão promover uma atualização de seus sistemas apenas trocando a CPU.

Entretanto, essa decisão da AMD de manter a compatibilidade dos processadores Bulldozer para desktops com o socket AM3 nos leva a uma questão importante: performance! Os processadores Bulldozer serão CPU´s bem mais rápidas e poderosas que as atualmente disponíveis no mercado.

Uma CPU com tal nível de desempenho exigirá uma enorme capacidade de transferência de dados entre CPU e memória. Ocorre que a opção da AMD em manter a compatibilidade com o socket AM3 significa que um sistema Bulldozer para desktop contará com um esquema de duplo canal (dual-channel) de conexão entre CPU e as memórias.

Isso não acontece, por exemplo, com a plataforma Intel para desktop´s e servidores baseada no socket LGA1366, que dispõe de um esquema de três canais de memória (triple channel). Da mesma forma, a nova plataforma Maranello da AMD para servidores introduziu o socket G34 e um esquema com quatro canais de memória (quad-channel).

Processador AMD Magny-Cours (socket G34) - Plataforma Maranello

Portanto, fica a dúvida se as novas CPU´s Bulldozer da AMD para os desktops não sofrerão com algum tipo de limitação por estarem inseridas em um sistema dual-channel. Caso isso venha a ocorrer, teria sido melhor a AMD optar por um novo socket para desktop´s, já no esquema LGA e dispondo de três ou quatro canais de conexão entre CPU e memórias.

Alguns fatos, porém, podem nos ajudar a entender a decisão da AMD. Ao analisarmos as diferenças de performance em aplicações desktop´s entre processadores Intel Core i7 Lynfield (LGA1156 / dual channel) e Bloomfield (LGA1366 / triple channel), verificamos que os Lynfield (i7 870, i7 860), apesar de disporem de um canal de memória a menos em relação aos Bloomfield (i7 920, i7 940, etc), não mostram qualquer inferioridade.
Motherboard Gigabyte GA-790GXTA-UD5 (socket AM3)

Além disso, precisamos considerar que as memórias DDR3 já são capazes de oferecer velocidade de memória suficientemente grande para atender uma CPU com grande capacidade de processamento.

Se isso se repetir na plataforma AMD, estará confirmado o acerto da decisão da AMD em manter a compatibilidade do Bulldozer com o socket AM3, algo que certamente será muito apreciado pelos nossos bolsos.


Fontes: AnandTech AMD

Comentários